Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O sistema de compartilhamento e conectividade da Apple, chamado de AirDrop, possui uma falha de segurança que pode vazar dados de seus usuários. A descoberta foi feita por equipes de dois laboratórios da Universidade Técnica de Darmstadt (Alemanha). Segundo a pesquisa, 1,5 bilhão de dispositivos Apple estão em risco com essa falha.

Por meio do AirDrop, usuários de aparelhos Apple podem se conectar a outros dispositivos para trocar imagens, arquivos, vídeos ou para usarem algumas funções do aparelho receptor. Para isso, é preciso uma rede Wi-Fi e proximidade entre os dispositivos. A falha desse mecanismo está no processo de identificar se o aparelho receptor está na lista de contatos do usuário. Para o reconhecimento de dispositivos que pertencem aos contatos do usuário, o AirDrop compara o número de telefone e o email do usuário com os registros nos contatos do receptor.

publicidade

Para descobrir os dados dos usuários que estão tentando se conectar pelo AirDrop, basta um outro aparelho que esteja usando a mesma rede Wi-Fi. Segundo os pesquisadores, a falha de segurança do AirDrop ocorre porque o sistema de segurança usado pela Apple para proteger os dados é muito simples de ser aberto.

Correção do problema

A descoberta do problema foi feita em 2019. Na época, a universidade avisou a Apple da falha de segurança do AirDrop, mas a empresa de Cupertino não apresentou nenhuma resposta, muito menos resolveu o erro. Contudo, os estudantes desenvolveram um mecanismo seguro que pod substituir o AirDrop.

Chamado de PrivateDrop, a ferramenta usa criptografia aliada ao mecanismo de hash da Apple para proteger os dados. Com isso, o reconhecimento de dispositivos que estejam na lista de contatos do usuário permanece sendo utilizado. Aparelhos próximos podem ser reconhecidos em menos de 1 segundo. Mas, o recurso ainda está restrito à universidade. A pesquisa deve ser apresentada em um simpósio em agosto deste ano, quem sabe a marca da Maçã não se interessa pela ferramenta e implementa em seus aparelhos?!

Por enquanto, os usuários de dispositivos Apple só conseguem se manter seguros se desativarem o sistema de reconhecimento do AirDrop. Para isso, basta ir em Configurações > Geral > AirDrop > Recepção Inativa.

publicidade

Via 9 to 5 Mac

Imagem: Shahadat Rahman/Unsplash/CC