Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Uma nova atualização do Spotify permitirá que o usuário organize suas músicas curtidas com tags baseadas no estado emocional, no humor e no gênero de cada artista. Na nova versão, o usuário pode aplicar esses filtros entre as faixas favoritas para personalizar o tocador aleatório do app.

Os novos filtros de humor do Spotify funcionarão assim: após curtir trinta músicas ou mais, o usuário deve abrir a página de músicas curtidas, selecionar uma faixa e aplicar um dos filtros sugeridos. À partir dessa seleção, o app mostrará outras faixas da sua biblioteca que se encaixem no mesmo filtro, e passará a reproduzi-las. Quando você cansar de curtir suas sofrências, é só deselecionar a tag, e o aplicativo volta a escolher músicas aleatoriamente.

publicidade

O recurso estará disponível tanto para os usuários Premium quanto para os da versão gratuita. No momento, a função está prevista para chegar aos países de língua inglesa – Estados Unidos, Canadá, África do Sul e afins. É provável que, não muito tempo depois, já estejamos com o recurso disponível por aqui.

Pensando na vibe

Segundo o anúncio do Spotify, os usuários poderão personalizar até quinze filtros de humor e gênero diferentes para seleção de músicas. Os filtros serão sugeridos pelo app com a média das faixas que o usuário utiliza, e se adaptarão quando o usuário curtir mais artistas, canções e álbuns.

Algo parecido com a nova função do Spotify foi visto pouco tempo atrás em uma patente de um vestível que é capaz de ler o estado emocional do usuário. As tags seriam uma forma de testar os algoritmos do app, vendo o quão precisas são as sugestões, antes de usá-las no novo dispositivo.

Via The Verge

publicidade

Imagem: Jonas Mohamadi (Pexels)