NotíciasEmpresa processa Google e Facebook por perda de renda com anúncios

Ronnie Mancuzo1 mês atrás4 min

A HD Media Company, LLC entrou com uma queixa de 42 páginas no tribunal distrital sul do estado da Virgínia Ocidental, Estados Unidos. A empresa, que opera vários jornais nesse estado norte-americano, processa o Google e o Facebook em uma ação onde afirma que as plataformas conspiraram para aumentar seus domínios no mercado de publicidade digital, prejudicando efetivamente jornais locais tradicionais em todo o país.

Com a ação, a HD Media afirma a existência de um movimento com o codinome de “Jedi Blue”, no qual a dupla teria realizado em setembro de 2018 um acordo secreto para manipular leilões de publicidade online. Enquanto o Facebook utilizaria a plataforma do Google para seus leilões, enquanto o Google daria tratamento preferencial ao Facebook nos seus.

Com essas práticas apontadas no processo movido pela empresa, o Google e o Facebook estariam violando as leis antitruste. Por exemplo, com monopólio do mercado de receita de publicidade online, conduta anticompetitiva e movimentos que ameaçam a extinção de jornais locais em todo o país.

Perdas expressivas para as empresas de jornalismo

No processo, a empresa também aponta para números expressivos de perdas das empresas de jornalismo após o monopólio do Google no mercado de publicidade digital. De acordo com a denúncia, nas últimas duas décadas, quase 1800 jornais fecharam ou se fundiram pelo país, o que criou um vasto deserto de notícias em todos os Estados Unidos. Ao mesmo tempo, durante esse mesmo período, Google e Facebook adquiriram mais de 300 empresas, acumulando maior controle sobre o mercado.

A empresa afirma que o seu processo contra Google e Facebook vai além da defesa dos interesses da imprensa, como também significa uma luta pela preservação da democracia. A ação movida pela HD Media Company pede um julgamento com júri e a proibição das empresas realizarem ações dessa forma no futuro. Há também pedidos de indenizações a serem determinadas no julgamento e os honorários advocatícios e despesas.

Via Editor and Publisher e WCHS-TV

Imagem: Marchmeena29 (iStock)