Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A nova iteração do sistema mobile do Google, o Android 12, virá com modo de redes restritas direto de fábrica. A informação veio do Projeto Android Open Source (AOSP), plataforma de código aberto para programadores e entusiastas do sistema mobile.

O nome do novo recurso ainda não é oficial, mas alguns comentários de desenvolvedores descrevem o novo modo de redes restritas como uma corrente de firewall. Ou seja, quando ativado, uma série de regras (similar ao Iptables do Linux) ditará quais aplicativos podem e não podem acessar a internet. Apenas aplicativos privilegiados ou autorizados pelo Google receberão dados no modo rede restrita.

publicidade

Com isso, apps instalados pelo usuário não receberão nem enviarão dados neste modo. Notificações push ainda serão visíveis, através do Firebase Cloud Messaging (FCM), uma vez que elas passam pela Play Store. Previsto para o Android 12, o recurso ainda está em fase de testes. O anúncio oficial acontecerá próxima conferência de desenvolvedores, ainda em fevereiro.

Nuances e detalhes

O recurso está longe de ser um firewall amigável para o usuário comum. Até o momento, não parece haver opções para escolher quais aplicativos acessam ou não a rede. Também não há nenhuma menção de desenvolvimento de limite de dados por aplicativo. Ao que tudo indica, ainda será possível instalar VPNs e firewalls de outras empresas, mas há o risco destes processos serem derrubados em segundo plano. O do Google, no entanto, deve dar certo.

Por fim, redes restritas no Android 12 serão opcionais. O sistema virá com uma opção para ativar ou desativar a função nas configurações. Não há indícios se as redes restritas do Google terão um botão na interface dedicado para a nova função.

Via Xda-developers

publicidade