Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Agora é oficial: o Discord habilitou, a partir desta quarta-feira (16/12), a função de compartilhar tela no telefone celular para usuários de Android e iOS. O recurso estava disponível desde o mês passado, mas só em versão beta.

Assim como acontece no app e na versão web, o compartilhamento de tela permite aos usuários a transmissão da tela no smartphone para um grupo de amigos. Em entrevista ao TechCrunch, os criadores do Discord explicaram que a ideia era fazer com que a função rodasse bem principalmente quando houvesse muito movimento na tela. Isto é, para minimizar problemas de latência e transmissão de frames durante streaming de jogos e visualização de vídeos no YouTube ou TikTok.

publicidade

O Discord já permite compartilhar tela em PCs desde 2017, quando lançou o recurso junto ao chat por vídeo. No Android e no iOS, o compartilhamento de tela poderá ser transmitido simultaneamente para até 50 espectadores, sem limite de quantos usuários podem efetuar a operação no mesmo canal.

O Discord ganhou força no cenário de apps de videochamadas e de mensagens desde que se praticamente um app de comunicação padrão para gamers. Nos últimos anos, o aplicativo também ganhou destaque em outras frentes, como clubes de livros e empresas com espaços de trabalho restritos ao ambiente online.

A grande funcionalidade por trás deste novo recurso, segundo o Discord, é oferecer uma dinâmica social para estes grupos. Isso é muito importante em tempos de pandemia, onde essas reuniões são (ou deveriam ser) restritas a “espaços virtuais”. Infelizmente, apenas 20% dos usuários do Discord tem acesso à função de compartilhar tela no Android e no iOS inicialmente. Mas, a empresa promete, que o recurso estará disponível para todos até o fim da quinta-feira (17/12).

publicidade

Via The Verge