Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Nio é o nome e deve ser a aposta da Motorola para o mercado flagship no ano que vem. Adam Conway, conhecido vazador de informações, trabalhou em conjunto com o site TechnikNews, e colocou em seu Twitter que o smartphone que está em vias de sair do “forno” vem sendo trabalhado com o nome fictício XT2125, mas que será rebatizado como Nio quando finalmente for anunciado.

Veja o que foi revelado

Assim como o Edge+, o Nio sairá da Motorola rodando o chipset Qualcomm Snapdragon 865. Este ponto, aliás, é apontado na reportagem do site como um indício de que o Edge+ pode até ser descontinuado para que o Nio ganhe essa fatia no mercado no ano que vem.

Além do Snapdragon 865, o Nio sairá das lojas já com o sistema operacional Android 11, suporte para dual SIM e, a princípio, uma única configuração, com 8 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno. As fontes ouvidas pelo site e por Conway, no entanto, disseram que há estudos para que uma outra opção, com 12 GB de RAM e 256 GB de armazenamento também venha a ser disponibilizada.

publicidade

O tamanho da tela, curiosamente, não consta das informações vazadas pelo jornalista ou pelo site internacional, mas há detalhes bastante interessantes a respeito da resolução do display, que deverá ser Full HD+ de 1080 x 2520 pixels, com uma taxa de atualização de pelo menos 90Hz.

O conjunto de câmeras do flagship Nio, da Motorola, é feito para agradar clientes exigentes. Na parte frontal, haverá uma câmera dupla, com sensor de 16 MP OmniVision OV16A1Q com uma lente grande angular e um sensor de 8 MP Samsung S5K4H7 com uma lente ultra grande angular. O conjunto traseiro será formado por uma câmera tripla, apresentando a principal com sensor OmniVision OV64B de 64 megapixels, a secundária com sensor OmniVision OV16A10 de 16 MP e lente ultrawide, e com um sensor para profundidade OmniVision OV02B1B de 2 megapixels.

A expectativa é que o lançamento chegue ao mercado entre janeiro e abril de 2021, mas o preço ainda não foi confirmado. Se a ideia da Motorola para o Nio for realmente substituir o outro flagship a marca, o Edge+, provavelmente será um pouco mais em conta do que o atualmente no mercado, que sai das lojas custando a partir de R$ 7.999,00.

Via: GizmoChina