Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Há um tempo atrás, a fabricante Xiaomi estava preparando celulares para dar segmento à série Redmi 9, porém com acesso à tecnologia 5G. Inclusive, vazamentos revelaram as especificações dos produtos que, até então não tinham nome. Agora, alguns documentos revelaram que o modelo acessível se chamará Redmi Note 9T.

O aparelho havia sido registrado na agência chinesa TENAA (similar à Anatel) sob o código M2007J22G. Porém, o cadastro nos órgãos reguladores dos EUA e da Índia constam o novo nome. E mais. Além das especificações vazadas no começo do mês, os documentos apresentam mais novidades.

publicidade

Diferente de seu irmão “Pro” (ainda sem nome), o Redmi Note 9T terá um processador Dimensity 800U, produzido pela taiuanesa MediaTek. Também terá um chip NFC para conexão por proximidade e rodará com a interface MIUI 12.

Balanço de mercado e lançamento

Um dos índices internacionais de desempenho de vendas é o Quarter 2020. Nele, o ano é dividido em 4 períodos chamados Q1, Q2 e consecutivamente (quarter, “quarto”, no sentido de “um quarto”, é o mesmo que trimestre). Ao longo deste ano, o mercado sofreu um impacto severo nos primeiros quartos devido à pandemia de COVID-19. Já o Q3, que vai de julho a setembro, mostra uma recuperação lenta entre as fabricantes de smartphones. Nessa retomada econômica, a Xiaomi assumiu a terceira posição nos celulares mais vendidos do mundo, tomando o lugar da Apple. 

Talvez como forma de aproveitar os resultados e garantir um fôlego maior no próximo quarto, a fabricante chinesa irá lançar seu Redmi Note 9T no dia 24 de novembro.

Via: Gizchina

publicidade