Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O Xiaomi Mi 11 deve chegar ao mercado em 2021 com uma resolução de tela de 3200 x 1400 pixels. As informações são do Digital Chat Station em seu perfil na rede social Weibo. O informante frequentemente vaza informações certeiras sobre a Xiaomi.

Os últimos rumores sobre o Xiaomi Mi 11 já davam conta de que o celular viria com uma tela de resolução 2K (2340 x 1080 pixels). No entanto, segundo o Digital Chat Station, a resolução do display deve ser bem superior, uma vez que a configuração de 3200 pixels horizontais vai além do padrão 2K. Assim, a tela deve ser mesmo 2K+ ou Quad HD+.

publicidade

Além disso, o novo Xiaomi viria com taxa de atualização de 120 Hz e design de tela com a câmera frontal em um recorte circular. O modelo 11 adotaria um projeto com linhas mais retas, enquanto o 11 Pro viria com bordas curvas.

Carregamento rápido e processador inédito

Uma das principais novidades do Mi 11 seria a adoção do processador Snapdragon 875, novo chip da Qualcomm que será lançado em dezembro. A Xiaomi nunca havia utilizado um chip de 5 nm com oito núcleos em configuração “1+3+4”. Mas, o que é isso? Bem simples. Os oito núcleos são divididos da seguinte forma. O primeiro núcleo é o de desempenho, enquanto os outros ficam divididos em dois outros clusters. O cluster intermediário tem três núcleos e o cluster de eficiência de energia tem os quatro núcleos restantes.

O smartphone também deve vir com uma nova tecnologia de carregamento sem fio desenvolvida pela Xiaomi, que carrega 100% de uma bateria de 4000 mAh em 19 minutos.

A Xiaomi ainda não comentou publicamente sobre o lançamento da série Mi 11, mas os rumores são de que o celular seja lançado nos primeiros meses de 2021. Semanas atrás, a empresa chinesa ultrapassou a Apple no ranking de vendas de smartphones.

publicidade

Via GizChina.