Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A Associação do Sistema Global de Comunicações Móveis (GSMA) está fazendo uma parceria com a empresa de softwares Mobileum para desenvolver um sistema de prevenção e bloqueio de chamadas indesejadas e fraudulentas. A iniciativa, em fase de testes, está recrutando operadoras e agentes do mercado de telefonia para a implementação das ferramentas.

publicidade

O anúncio do desenvolvimento veio num painel das duas empresas durante o MWC 2021. A fase de testes se dará em tentativas de golpe em tempo real, e incluirá a opção de rastreamento da origem da chamada, permitir que múltiplas redes monitorem os ataques e enviarem avisos às vítimas, que estão falando com possíveis golpistas. Os mecanismos também auxiliarão na autenticação de chamadas e na criação de uma lista de identificadores de rede.

O sistema em desenvolvimento da GSMA contra chamadas indesejadas também está recrutando suporte de prestadoras de rede fixa e VoIP, para que os recursos estejam presentes também nas ligações via internet. A ideia é que, além de combater os golpes por telefone, a parceria ajude a impedir também as chamadas por robôs — que, apesar das inúmeras tentativas do Procon em bloqueá-las, continuam infernizando as linhas telefônicas.

Só nos Estados Unidos, dados da Comissão Federal de Comunicações (FCC) apontam para um prejuízo de US$ 10 bilhões por ano ao governo, com chamadas automatizadas que perpetuam esquemas de fraude. Mas segundo Alex Sinclair, o Chefe de Tecnologia da GSMA, a iniciativa agirá para mitigar os danos desta categoria de chamada no mundo todo.

Ligações telefônicas de robôs podem ser usadas em fraudes

O sistema da GSMA com a Mobileum está voltado para resolver um problema que vai além de chamadas indesejadas: as fraudes por chamadas automatizadas. À princípio, os números desconhecidos que ligam para celulares e telefones das pessoas parecem apenas  testes de telemarketing, mas podem ser usados para configurar golpes via telefone.

publicidade

Via MobileDiveWorld

Imagem: Nebojsa Tatomirov/Shutterstock