Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

A Amazon comprou nove lançamentos de foguetes da Aliança de Lançamentos Unidos (ULA) para soltar na órbita terrestre seus satélites de internet Kuiper. Os foguetes serão lançados em nas missões Atlas 5, mas ainda não se sabe quantos satélites irão em caga lançamento. A ideia da empresa é eventualmente completar uma constelação com 3.236 deles.

Ao criar sua rede de satélites, a Amazon pretende também começar a servir seus serviços de conexão, levando internet inclusive para regiões rurais com pouco ou nenhum acesso à rede. Também faz parte dos planos da empresa implementar seu serviço de computação na nuvem chamado Amazon Web Service.

publicidade

Os satélites Kuiper devem orbitar a Terra a uma altura entre 590 a 630 quilômetros. Com eles, a companhia pretende entregar 400 Mps de velocidade de conexão, valores que devem subir conforme o projeto for recebendo atualizações. Contudo, isso vai levar algum tempo para ser concluído. O projeto foi aprovado pela FCC (agência como a Anatel dos EUA) em junho do ano passado com a exigência de que a Amazon entregue metade dos satélites até 2026. A notícia boa é que essa quantidade está na agenda de lançamentos da ULA. Porém, ainda não se sabe quando todos estarão no ar.

Para poder realizar seu plano de rede de internet, a Amazon investiu US$ 10 bilhões (R$ 55 bilhões), o mesmo valor que Elon Musk investiu em seu projeto Starlink, que, aliás é uma grande concorrente. E a escolha de Jeff Bezos pela ULA é estratégica. A Aliança havia perdido seu posto no mercado para a SpaceX em número de lançamentos, agora deve estar em pé de igualdade.

Via The Verge

publicidade