Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Em uma atualização da sua política de “aplicação fora da plataforma”, o Twitch acaba de deixar claro que vai chamar a polícia em casos de assédio e ameaça para suas comunidades, mesmo que elas aconteçam fora do seu serviço de streaming de videogames.

A nova política de “aplicação fora do Twitch” é dividida em duas categorias. Na primeira, a plataforma vai levar em conta queixas de assédio e ameaça que comecem no Twitch e continuem em outras redes sociais, como o Twitter, por exemplo.

publicidade
Comportamentos de risco

Na segunda categoria, o Twitch diz que vai agir em casos que representem risco considerável para a comunidade da plataforma, mesmo que as ações aconteçam inteiramente fora do Twitch. Alguns dos exemplos de comportamento que representam risco: atividades ou recrutamento terroristas; ameaças de violência em massa, como ameaças contra um grupo de pessoas ou evento; ser líder ou membro de um grupo de ódio conhecido; perpetrar ou ser cúmplice de um ataque sexual; aliciamento ou exploração sexual de menores, e ameaças contra funcionários do Twitch.

Em casos desse tipo que aconteçam fora da plataforma, o Twitch vai abordar as autoridades apropriadas e compartilhar suas evidências com elas. E para investigar as queixas, a rede social disse estar colaborando com uma firma de investigação legal terceirizada. Segundo o post no blog do Twitch, esse parceiro “tem experiência em conduzir investigações independentes em locais de trabalho e campus, incluindo investigações relacionadas com discriminação ou agressão sexual”.

Como denunciar

O Twitch disponibiliza uma ferramenta de denúncia de comportamento prejudicial ou inapropriado na própria plataforma, mas também é possível mandar queixas e provas para o e-mail OSIT@twitch.tv. O Twitch diz garantir confidencialidade para todas as partes envolvidas.

Na FAQs da nova política, a plataforma afirma que quando for apropriado, eles vão informar sobre a investigação para os acusados. Mas em caso de comportamento ilegal, o Twitch diz que pode não avisar o usuário antes de chamar a polícia.

publicidade

Via SlashGear

Imagem: AJ Colores (Unsplash)