Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Números da Statscounter colocam a Motorola como segunda maior fabricante de smartphones do país, atrás apenas da rival Samsung. A linha Moto G (que hoje ganhou três novidades, o Moto G100, o G10 e o G30) é uma das principais responsáveis por essa posição de mercado, o que ajuda a tornar o Brasil um país importante nas estratégias de negócios da marca. Essas estratégias podem englobar iniciativas de responsabilidade social, e é o que a Motorola está promovendo ao adicionar suporte a linguagens indígenas brasileiras nos seus celulares.

Linguagens correm risco de sumir do mapa

A novidade chega após a UNESCO classificar duas línguas indígenas como ameaçadas de extinção. Isso quer dizer que, apesar de ainda haver pessoas vivas se comunicando através delas, estas não são mais ensinadas às novas gerações. São elas: os idiomas Kaingang e o Nheengatu.

publicidade

Estima-se que hoje 20 mil pessoas na Amazônia estejam em comunidades nas quais o Nheengatu esteja presente, mas apenas seis mil dessas se comunicariam com ela, por exemplo. O trabalho da Motorola ajudaria as novas gerações a terem contato com a linguagem indígena. A sua implementação em algo hoje tão essencial como um smartphone pode mostrar a crianças, adolescentes e jovens que o idioma pode ser preservado e utilizado mesmo no âmbito da tecnologia.

Disponível no Android 11

A Motorola, porém, sabe que a implementação de linguagem indígena no Android dela não dará um enorme retorno em termos de investimento. Segundo Janine Oliveira, executiva da área de linguística da companhia, o intuito não é mesmo esse, mas sim “aumentar a conscientização em relação à revitalização das linguagens”.

O Kaingang e o Nheengatu estão disponíveis em qualquer smartphone Motorola que já tenha recebido o Android 11. Aparelhos programados para receberem essa versão do SO também contarão com essas novas opções de idioma. Vale ainda lembrar que a nova linha Moto G começou a ser anunciada, e tem como principal destaque o Moto G100.

Via The Verge

publicidade