Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Há uns dias atrás, publicamos por aqui sobre o primeiro tweet do mundo que foi a leilão, onde foi vendido por tokens não fungíveis, conhecidos como NFTs. Agora, a foto do famoso meme do começo da década, Bad Luck Brian foi vendida em um leilão num app.

Brian, pra quem não lembra:

publicidade

Bad Luck Brian

Esses tokens NFTs não possuem representação física, mas sim virtual e o seu valor é dado pela confiança universal atribuída na internet. Esse termo se remete à uma certificação de garantia de autenticidade de obras e peças, com o objetivo de garantir segurança no comércio de conteúdos da internet (incluindo imagens, GIFs animados, vídes, músicas ou videogame).

Em 2012, o meme Bad Luck Brian ficou famoso, após a foto do anuário do aluno Kyle sair na internet. No dia 09/03, a foto foi oficialmente vendida em um leilão da plataforma Foundation, pelo preço equivalente a US$ 36 mil (cerca de R$ 200 mil) como uma obra de arte digital.

Nessa espécie de mercado online, já foram colocadas várias vendas de artes e memes famosos. O comprador da foto Bad Luck Brian teve seu nome identificado, se assim podemos dizer, como @a. Essa foto terá uma assinatura digital ou uma prova de propriedade do comprador para identificação.

Memes como Grumpy Cat ou Scumbag Steve já foram colocados em leilão a pedido dos próprios criadores originais com um grande número de interesses. Vale dizer que, no mês passado, o meme Nyan Cat também foi vendido por NFTs no mercado de memes, chegando nos incríveis US$ 600 mil (mais de R$ 3 milhões).

Via OutLine