Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O massivo vazamento dos CPFs levou a muitas pessoas a se perguntar o óbvio: “será que o meu vazou também”. E, nisso, está circulando o link de um site para saber se o seu CPF vazou. O site pergunta o número e data de nascimento, e dá a resposta. E não vamos de forma alguma deixar o link aqui.

Porque é uma má ideia fazer isso. Um, não precisa ir lá; a gente já dá a resposta para você: SIM, seu CPF foi vazado. Há uma imensa chance que sim. São 220 milhões de entradas, mais que a população inteira do Brasil (e ser mais tem a ver com o problema). É sempre uma ideia péssima “conferir”, e o ponto desta matéria é explicar por que.

publicidade
O hacker não te conhece

Não estamos dizendo que o site não seja idôneo. Não fizemos essa investigação. As informações no site apontam para um jovem técnico em informática – e talvez ele só queira, honestamente, as doações que está pedindo. Mas é um bom hábito a adquirir nunca reagir a vazamentos, a não ser por meios oficiais. Porque golpistas dependem dessa reação. E digitar seu CPF num site pouco conhecido pra saber se vazou segue a mesma lógica.

Vamos dar um exemplo: quando você recebe um e-mail ameaçador dizendo sua senha. Todo mundo já deve ter recebido um desses. É a senha real, de fato está nas mãos dos criminosos.

Mas os golpistas não atacaram você pessoalmente. Eles provavelmente compraram a informação de um dos vazamentos que acontecem o tempo inteiro, sabe-se lá quando e onde. O que eles não sabem é se, numa lista com milhões de entradas, sua senha ainda é válida, se seu usuário ainda existe. E não vão testar uma a uma.

Quando você responde, está basicamente dizendo: “sim, a senha está correta e atualizada, e eu me importo com isso”. É só a partir daí que você baixou a guarda e se abriu para o golpe em si. A partir daí o golpista sabe que pode se logar na sua conta e extorquir dinheiro de você.

publicidade

Então nunca “verifique” se você foi hackeado. Ou entre num site desconhecido para saber se seu CPF vazou. Vazou – com milhões. Mas quem tem esses dados não sabe se o que tem em mãos vale alguma coisa.

No caso do CPF, como o número é maior que o de brasileiros, significa que há uma poluição de dados: milhões de pessoas mortas no cadastro. Ao reagir ou, neste caso, confirmar seu CPF e data de nascimento, você está dizendo que o CPF pertence a uma pessoa viva, que a data de nascimento bate, e que essa é uma pessoa preocupada com o vazamento. É tudo que precisam para que a infomação seja usada contra você.

Imagem: Soumil Koumar/Pexels/CC