Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Os executivos da Xiaomi certamente tomaram um susto quando viram o pôster de lançamento do Xiaolajiao Ultra 10. É o novo modelo da marca concorrente, de menor expressão no mercado. E é praticamente um “clone” do Mi 10 Ultra, flagship top de linha da marca “original”.

O site italiano Xiaomi Today, por exemplo, brincou com a situação, e afirmou que o Xiaolajiao Ultra 10 é “um irmão quase gêmeo, mas filho de outra mãe” do Mi Ultra 10, da Xiaomi, tamanhas as semelhanças visuais entre os dois dispositivos, que agora concorrem pelo coração do consumidor chinês.

publicidade

Uma imagem divulgada no site Playfulandroid mostra que a principal semelhança entre os “irmãos de mães diferentes” está na traseira dos aparelhos. O Xiaolajiao Ultra 10, também chamado de Pepper X11, tem um design praticamente idêntico ao Mi Ultra 10 (sim, os nomes também são similares) da Xiaomi, com direito ao conjunto com quatro câmeras e até ao corpo quase transparente, que permite visualizar os componentes internos.

“Clonagem” do Xiaolajiao Ultra 10 é restrita ao visual

Xiaolajiao Ultra 10

Quem está pensando em comprar o Xiaolajiao Ultra 10 pelo design praticamente idêntico ao flagship da Xiaomi, no entanto, e se empolgou em pagar um preço muito mais acessível – 688 yuans (R$ 540, sem impostos ou taxas) no site de compras Tmall, contra 5.299 yuans (R$ 4.160, sem impostos ou taxas), precisa se atentar a um “pequeno” detalhe.

A “clonagem” do Xiaolajiao Ultra 10 em relação ao Mi Ultra 10 parece ter ficado restrita somente ao visual. O lançamento tem tela de 6,5 polegadas com resolução “desconhecida”. Enquanto o Xiaomi dá ao consumidor um display de 6,67 polegadas, AMOLED, com resolução de 1080 x 2340 pixel.

publicidade

O processador do Xiaolajiao Ultra 10 é o MediaTek Helio P60, com 8 GB de RAM e armazenamento de 128 GB (ou 256 GB). O Xiaomi Mi Ultra 10 sai de fábrica com a mesma capacidade de RAM e armazenamento de 256 GB máximo, mas o processador é o Snapdragon 865 da Qualcomm, reconhecidamente superior do que o adotado pelo “clone”. A bateria do Xiaomi também vence no comparativo com o Xiaolajiao Ultra 10, pois é de 4500 mAh, contra uma de 3900 mAh.

A disparidade de qualidade entre os “irmãos gêmeos” fica mais evidente ainda quando o assunto de comparação é o conjunto óptico. O Xiaolajiao Ultra 10 é vendido com câmera de selfie de 8 megapixels e a principal traseira com 16 megapixels. Já o Xiaomi Mi Ultra 10 sai para o consumidor com 20 megapixels na câmera de selfie e um conjunto traseiro que deixa o Xiaolajiao Ultra 10 no chinelo.

O conjunto conta com câmera quádrupla, com a principal de 48 megapixels com abertura F/1.9, e outra câmera telefoto (também de 48 megapixels) com lente periscópio, zoom óptico de 5x e zoom híbrido de 120x.megapixels na principal, que permite até mesmo a gravação de vídeos em 8K. Pelo jeito, o clone ainda vai ter que fazer muita “plástica” se quiser ficar igual ao “irmão gêmeo”…

Via: My Drivers