Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O segundo turno das eleições se aproxima, com data marcada para este domingo (29/11). Com isso, o Tribunal Superior Eleitoral, órgão jurídico responsável pelas eleições, divulgou uma nota ontem (25/11) dizendo que não será possível se cadastrar no aplicativo e-Título no dia da eleição.

O e-Título é a via digital do título eleitoral. Foi citado pelas facilidades que trouxe aos eleitores, mas principalmente por problemas sérios o envolvendo. O maior deles, a instabilidade no dia do primeiro turno das eleições municipais deste ano, que tornou o aplicativo inutilizável para quem havia acabado de baixar para se inscrever. Segundo o TSE, foi um ataque DDoS que forçou ao fechamento de servidores, prejudicou muito o desempenho do app. E fez até com que multas indevidas fossem cobradas, mesmo para eleitores que haviam justificado sua ausência.

publicidade

De certa forma, a resposta do TSE foi jogar a tolha. Todos esses problemas, segundo o órgão judiciário, são a razão para a decisão de agora. A de que, oficialmente, o e-Título não aceitará novos cadastros no dia da eleição. Isto é, baixar na hora pra usar não vai funcionar. Segundo o TSE, oferecer a possibilidade de eleitores se cadastrarem no app durante a eleição seria razão de muita instabilidade, repetindo a adversidade do primeiro turno, embora não seja esperado outro ataque hacker.

Como fazer?

Então, a partir das 23h59 do sábado (28/11), já não será mais possível se cadastrar pelo aplicativo, embora seu download continue a poder ser feito. O app estará plenamente utilizável para aqueles cadastrados antes do prazo estipulado.

Assim sendo: se você quer usar o e-Título, baixe, abra e se cadastre antes do sábado. Com isso, você já terá o cadastro para abri-lo no domingo.

O TSE também esclareceu que no dia seguinte da eleição, no dia 30, o app já voltará a aceitar novos cadastros, funcionando normalmente.

publicidade

Outras facilidades do aplicativo, usado por quase 16 milhões de eleitores, incluem o acesso rápido a informações diversas referentes às eleições, como local de votação e a situação do cadastro eleitoral, bem como a impressão da certidão de quitação eleitoral. O E-título encontra-se disponível gratuitamente na App Store e no Google Play. É melhor baixá-lo o quanto antes para não correr o risco de se lembrar somente no dia da eleição, e aí já será tarde mais.

Via TSE