Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Há rumores de que a Microsoft está considerando adicionar apps Android ao Windows em 2021. Embora aplicativos como o Bluestacks possam oferecer emulação Android, a mudança da Microsoft tem uma proposta diferente: Em vez de emular, ela vai migrar o app Android usando a plataforma UWP e assim já obter o app convertido para Win32 (isto é, Windows de 32 bits).

A Microsoft escolheu o Android como seu sistema operacional móvel preferido quando o Windows 10 Mobile foi definitivamente abandonado em 2017. A empresa já oferece uma versão móvel da maioria de seus aplicativos para o sistema Android.

publicidade

E, por meio do app Complemento – O Seu Telefone Móvel (sim, o nome é esse mesmo), os usuários podem executar vários aplicativos de smartphones compatíveis na área de trabalho do Windows. Porém, esse serviço está atualmente limitado a usuários de smartphones Samsung.

Adicionar acesso direto a aplicativos Android seria uma grande atualização para o Windows 10, colocando-o em rota de colisão direta com a gama de Chromebooks do Google, que rodam ChromeOS.

Com apps Android no Windows, o sistema pode se tornar quase universal

Com acesso ao navegador Chrome e rumores de uma interface para execução em tempo real no Linux, a adição de aplicativos Android tornaria o Windows 10 um sistema operacional quase universal.

Enquanto isso, diz-se que a empresa finalmente terá o Windows 10X, uma versão do sistema operacional que acabará por ser voltada para dispositivos multitelas, pronta ainda antes do final do ano.

publicidade

Assim, o Windows 10X está sendo classificado como o “assassino do Chromebook”. E se os aplicativos Android fizerem parte da oferta, esse apelido poderá muito bem ser conquistado.

Embora não haja informações concretas sobre isso, já estamos refletindo sobre como isso poderia funcionar. Uma ideia é que o Windows poderia incluir uma seção do Android na Microsoft Store, mas isso apresenta seus próprios problemas para os proprietários de Android existentes. Pois, assim, podem acabar pagando por um aplicativo em duas lojas diferentes e ter dados salvos diferentes em dispositivos diferentes.

É claro que a ideia precisaria ser um pouco mais elaborada e, de fato, não vamos esquecer que tudo pode dar em nada. Porém, se acontecer, pode representar a maior sacudida no mercado de desktops / laptops.

Via: XDA Developers