Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A Let’s Encrypt avisou que um celular rodando qualquer versão mais antiga que o Android 7.1.1 não abrirá vários sites a partir de 1º de setembro de 2021. A empresa é uma autoridade mundial em certificados de domínios da internet. Esse certificado garante que um site é seguro, e é lido por sistemas operacionais e navegadores. Atualmente, cerca de 30% dos domínios na internet usam os certificados do grupo.

Segundo uma declaração da Let’s Encrypt, a partir de setembro do ano que vem “versões mais antigas do Android não vão mais confiar nos nossos certificados”. A Let’s Encrypt disse também que 33,8% dos usuários de Android no Google Play têm uma versão mais antiga que o 7.1. Esse Android antigo não será mais capaz de abrir diversos sites.

publicidade

O problema é que a Let’s Encrypt tinha um acordo de certificação cruzada com o Iden Trust, outro grupo de certificados. A parceria deles com esse outra autoridade termina em 1º de setembro do ano que vem. A Let’s Encrypt não pretende renovar o acordo. Isso significa que navegadores e sistemas operacionais (SO), como o Android, mais antigos não vão aceitar o certificado do grupo, e não abrirão sites por considerar inseguros.

Android antigo não abrirá site

Versões antigas do Android não abrirão sites.

Celulares que não receberam atualização do Android desde 2016 serão uma das parcelas afetadas por pelo fim do acordo. Além considerando que muitas operadoras oferecem poucas atualizações, especialmente para celulares baratos, tem gente que acaba com o mesmo sistema operacional que veio com seu celular.

Um jeito de contornar o problema é usar o Firefox, já que o Mozilla tem uma parceria com o Let’s Encrypt. Mas essa não é uma opção pra todo mundo.

Recentemente, a Samsung e outros fabricantes que usam Android prometeram três anos de atualização de SO. No entanto, a decisão não ajuda quem não pode comprar um celular com Android mais recente agora.

publicidade

Via AndroidPolice