Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nos últimos anos, vários fabricantes cantam aos quatro ventos fazendo anúncios ousados sobre a taxa de atualização das telas de seus novos smartphones. Empresas como OnePlus, Asus e Samsung se orgulham de suas telas terem movimentos suaves em filmes e aplicativos. Você já deve ter visto os termos 90Hz ou 120Hz mencionados em matérias ou sites de empresas, olhando as especificações de celulares. Portanto, vamos explicar o que é isso e a diferença que faz nos aparelhos.

O que significa a taxa de atualização da tela?

Felizmente essa é uma pergunta simples de responder, porque a terminologia reflete o que realmente está acontecendo na tela que você está olhando. Dessa forma, para que uma tela produza a ilusão de que há uma imagem em movimento na sua frente, ela precisa ser atualizada um certo número de vezes.

publicidade

Como em qualquer vídeo, o que realmente está sendo exibido é uma sequência de fotos, mas reproduzidas consecutivamente de forma muito rápida. Assim, a taxa de atualização de exibição é simplesmente a frequência na qual ela é atualizada para mostrar a próxima cena. Por exemplo, se a tela tem taxa de atualização de 120Hz ou 144Hz, isso significa que ela pode ser atualizada 120 vezes por segundo. E isso é bem melhor do que os tradicionais 50 ou 60 Hz das telas comuns.

Assim, uma taxa de atualização alta pode fazer uma grande diferença na percepção e na experiência em assistir a um filme ou em cenas rápidas de um jogo.

Basta ter uma taxa de atualização mais alta para ter uma experiência melhor?

Bom, a vida não é tão fácil assim. Para ter uma experiência que seja fluida de verdade, é preciso que o conteúdo exibido também tenha sido produzido com a frequência da tela. Se o aplicativo não foi desenvolvido para taxas de atualizações mais rápidas, o conteúdo vai ser exibido normalmente. Porém, a visualização não terá grande diferença de uma tela comum.

Existem jogos otimizados para telas de 120Hz?

Os desenvolvedores de jogos para smartphones começaram a aprimorar os gráficos de seus títulos para aproveitar ao máximo essas taxas de atualização mais rápidas.
Jogos populares como Real Racing 3, Temple Run 2, Minecraft Earth, Alto’s Odyssey e Injustice 2 (e outros) têm suas animações otimizadas para aproveitar ao máximo os displays de smartphones com maior taxa de atualização.

publicidade
Ainda tem a taxa de resposta ao toque

Como falei acima, a vida é dura. Mas também é legal, principalmente se você gosta de jogar online. Vamos lá: a taxa de resposta ao toque é a capacidade da tela em entender um toque em um determinado tempo. Por exemplo, se a tela tem taxa de resposta ao toque de 60 Hz, quer dizer que ela procura um toque na tela 60 vezes por segundo.

Fazendo as contas, o resultado se traduz em um ciclo de 16,6 ms (milissegundos), o que significa que a tela busca um toque do usuário a cada 16,6 ms. Pois bem, agora vamos ver o exemplo de uma tela com 120 Hz de taxa de resposta ao toque. Aqui ficou fácil: se dobramos a frequência de busca por toques, a tela vai procurar por um toque do usuário a cada 8,3ms.

Portanto, em um jogo online, você vai conseguir mover seu personagem mais rápido do que um oponente que tem um celular com tela de 60Hz. Além disso, você vai conseguir atirar mais rápido também. Assim, não há dúvidas de que a tela com alta taxa de resposta ao toque vai fazer de você o gatilho mais rápido do Oeste. E aí a vida fica mais fácil, ao menos, nos jogos.

Via XDA Developers e Andes Computer Engineering.